top of page
Botton40mm.png

BLOG

Ordem no canteiro

Uma obra limpa e organizada aumenta a produtividade e a segurança dos operários


Imagine a cena: uma construção totalmente desorganizada, com ferramentas espalhadas e materiais por todos os lados.


O resultado dessa história é desperdício ou dores de cabeça no futuro. Porém, basta colocar

uma palavrinha em prática para esse cenário mudar totalmente de figura: organização. Agora sim, materiais armazenados com cuidado e nada fora do lugar! Se o canteiro estiver bem planejado, tudo é diferente. As atividades do dia a dia ficam mais rápidas e eficientes.


Podemos comparar esse espaço à área de serviço ou quintal de uma casa. É um ambiente necessário para o funcionamento da residência. Em uma obra acontece da mesma maneira.

Com alguns cuidados básicos a segurança dos trabalhadores também ficará garantida.


Medidas preventivas são fundamentais para que pregos, pedaços de madeira e ferragem não causem danos à integridade física dos funcionários. A correta armazenagem dos itens também evita possíveis furtos.


Primeiro passo

Antes de tudo, é necessário solicitar as instalações de água e esgoto na construção. Em lotes que não possuem rede de abastecimento, é fundamental providenciar uma fossa séptica. A ligação da luz deve ser realizada antes mesmo do início do trabalho e costuma ser provisória. Para isso, é feito um cavalete e instalado um medidor até o final da construção.


O barracão

Para garantir a organização na obra, é fundamental planejar o barracão. Ele deve estar na área de afastamento da rua. A fundação, normalmente, é do tipo radier. A estrutura e as paredes são de madeira e as telhas de fibrocimento, materiais fáceis de desmontar ao final da construção.


O local para a armazenagem deve ser subdividido e contar com alguns itens indispensáveis. O escritório tem de estar em espaço reservado dos vestiários, que geralmente ficam o mais perto possível da área de trabalho. Os sanitários estão próximos das tubulações de esgoto e a 150 m, no mínimo, da obra.


Ainda deve haver, em alguns casos, dormitórios para os funcionários e almoxarifado com chave exclusiva. A NR 18, do Ministério do Trabalho, regulamenta as condições do canteiro de obras e orienta a metragem ideal do barracão de acordo com o número de funcionários.


Veja como armazenar os itens mais usados na construção:


• 01 Escritório

É fundamental para manter a organização e a agilidade na obra. O ambiente deve ficar afastado do vestiário e ter metragem que facilite o trabalho. A área recomendada é de 8 m².


• 02 Banheiro

Geralmente, o ambiente possui metragem reduzida - cerca de 6 m². Deve estar sempre limpo e livre de vazamentos.


• 03 Depósito geral

É um dos principais espaços do barracão. Armazena todos os itens indispensáveis para a obra, como aço, tintas, cimento, cal, materiais elétricos e impermeabilizantes, entre outros. A metragem ideal sugerida é de 20 m².


• 04 Cimento e cal

É fundamental mantê-los em local seco e arejado, que deve ficar elevado ao chão por um tablado de madeira. As pilhas de cimento devem ter até dez sacos e as de cal, 20.


• 05 Tintas

Coloque as latas em prateleiras para que não enferrujem. O local de armazenagem deve ser protegido e ventilado. Após o uso feche-as bem e guarde as sobras que podem ser necessárias para retoques ou mesmo como referências para uma nova compra.


• 06 Tubos e conexões

Devem ser estocados em espaços cobertos e na posição horizontal. Para ajudar no dia a dia, uma dica é organizá-los em camadas e separá-los de acordo com o diâmetro e uso.


• 07 Materiais elétricos

Guarde-os em local bem resguardado. Fios, cabos, disjuntores, tomadas e interruptores devem ser comprados um pouco antes da instalação, evitando assim, erros no cálculo das quantidades.


• 08 Impermeabilizantes

Ficam em espaços secos, cobertos e ventilados. Não dispense as embalagens originais e verifique o prazo de validade. Vale comprá-los na mesma época na qual serão aplicados.


• 09 Pisos e revestimentos

São frágeis, por isso é importante comprá-los apenas na fase de uso (quando a alvenaria estiver 50% pronta). Verifique com atenção as peças e os lotes para certificar-se de que não há diferenças de tamanho e cores.


• 10 Areia e brita

Devem ser estocadas dentro de uma baia sem contato direto com o solo. O espaço tem de ser coberto e próximo das betoneiras e de locais com fácil acesso para caminhões.


• 11 Aço

Não pode ficar em contato com o solo. Essa medida evita a oxidação. Vergalhões, perfis e barras devem ser separados conforme o tipo e a bitola.


• 12 Tijolos e blocos

A área para guardá-los precisa ter cerca de 0,25 m² e 1,65 m de altura para 250 tijolos. O material fica empilhado. Por isso, é fundamental ficar atento à altura máxima.


• 13 Madeira

É ideal que seja armazenada em local plano sem contato direto com o solo para não empenar. Melhor empilhá-las na horizontal sobre uma base de blocos.


• 14 Telhas

As de cerâmica e concreto devem ser empilhadas verticalmente. As metálicas ficam levemente inclinadas, característica que evita o acúmulo de água. Vale comprar 10% a mais do que o previsto.


Saiba mais sobre este e outros assuntos da construção, no nosso Construção do Começo ao Fim, no link abaixo:
















11 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page