top of page

"A arquitetura é como música petrificada", afirmou o renomado escritor alemão Johann Wolfgang von Goethe. Essa analogia ressoa profundamente na essência visual e artística desse campo, onde formas, materiais e traços são habilmente harmonizados para envolver o observador, estimular a memória e tocar a alma daqueles que habitam ou transitam pelo espaço.

Um exemplo notável desse diálogo entre forma e função pode ser encontrado na residência dos irmãos Joana e Tiago, situada em São Paulo. Apesar de ser um único terreno, abriga dois estilos de vida distintos, cada um refletido de forma única na arquitetura da casa. Com uma meticulosa análise do terreno e uma construção que otimiza cada centímetro, a privacidade é priorizada sem comprometer a harmonia do ambiente. Descubra todos os detalhes dessa morada em nosso artigo "Como um Tetris" (página 84), onde exploramos como os 170m² são aproveitados de forma excepcional para atender às necessidades de cada morador.

Com a chegada da estação mais aguardada do ano, novos ares trazem consigo uma sensação de renovação. Enquanto as temperaturas sobem e o sol banha as residências, somos cativados pela ideia de capturar projetos sob a luz radiante, despertando o desejo de alcançar a casa dos sonhos. Em nossa seção "Lazer" (página 76), apresentamos quatro projetos inspiradores que convidam a contemplar a paisagem de um píer. Seja à beira do rio ou com vista para o mar, cada um oferece uma experiência única e deslumbrante.

Na edição atual, mergulhamos na fascinante Série Casas Naturais (página 100), onde exploramos as diversas facetas das pedras na arquitetura. Desde a estrutura até o revestimento, analisamos os diferentes tipos, padrões de assentamento e cortes, além de destacar as combinações e usos inovadores. Prepare-se para descobrir um mundo novo de possibilidades e inspirações!

Construir 223

R$ 20,00Preço

    REVISTA DIGITAL

    bottom of page